Exu: que guerra foi essa?
8 de outubro de 2023
“Magro de Aço” nos bilinguinguins dos EUA
17 de fevereiro de 2024
Exibir Tudo

O piauiense que o Piauí pouco conheceu

Jornalista Moacyr Andrade.

Há dois anos, o Piauí perdia, sem se dar conta, uma de suas maiores expressões no jornalismo e na cultura, o piripiriense Moacyr Andrade.

Ele faleceu aos 85 anos no Rio de Janeiro, onde morava desde a juventude.

Moacyr Andrade foi uma das vítimas desse mal crônico que é a nossa miséria cultural. Reconhecido e aplaudido fora do Piauí, era pouco conhecido em sua terra natal.

Eu mesmo só vim a tomar conhecimento dele em 1998, através de outro piripiriense ilustre, o humorista João Cláudio Moreno, que me mandou do Rio um livro de sua autoria.

Tive o privilégio de conhecê-lo em 2010, quando de sua última visita a Piripiri.

Moacyr Andrade foi editor do “Caderno B” do Jornal do Brasil, nos áureos tempos do JB, e membro do Júri B, que escolhia o Disco do Ano.

Seguem duas crônicas sobre nosso Moacyr Andrade, publicadas após seu falecimento. Uma delas saiu no JB:

https://www.jb.com.br/obituario/2021/07/1031611-o-brasil-perde-um-grande-jornalista.html

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *